Amazônia: Israel envia ajuda para o Brasil

Uma delegação com 11 especialistas israelenses em combate a incêndios e salvamento embarca nesta terça-feira para o Brasil para ajudar no combate à onda de incêndios na Amazônia.

O grupo chega ao país às 5h45 da manhã de quarta. O envio do grupo, faz parte da promessa de ajuda ao Brasil acertada entre o presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, e o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, após conversa telefônica, na semana passada.

FOREST FIRE

custo da entrega do material, no entanto, teria impossibilitado a compra, segundo fontes ouvidas pela reportagem. Mas a embaixada ainda promete tentar comprar o material no Brasil ou em países adjacentes.

A delegação israelense que desembarcará no país é formada por combatentes do Corpo de Bombeiros e Salvamento de Israel especializados em incêndios campestres e florestais. 

Segundo comunicado oficial do Ministério das Relações Exteriores de Israel, a delegação “prestará assistência, transferência de conhecimento e experiência profissional às autoridades brasileiras, incluindo o governo brasileiro, as Forças Armadas e o Corpo de Bombeiros e Salvamento que operam nas zonas de incêndio”.

Booking.com

O grupo é chefiado por Yair Elkayam, vice-comandante do área do Norte do Corpo de Bombeiros de Israel. O comissário dos Bombeiros, Dedy Simhi, dirigirá as operações em Israel, mas os detalhes estão sendo coordenados pela embaixada do país em Brasília e a representação militar de Israel no Brasil.

“Este é um desafio profissional de primeira categoria e estou confiante de que a missão dos Bombeiros de Israel desempenhará seu papel”, disse Simhi na cerimônia de envio dos especialistas ao Brasil. “Israel é um parceiro pleno no esforço global para controlar grandes incêndios e as mudanças climáticas, em uma luta que atravessas fronteiras e países”.

Há dois meses, uma delegação de bombeiros de Israel foi enviada para a Etiópia para ajudar no controle de incêndios no país. Em janeiro, Israel enviou uma delegação de 136 profissionais para ajudar nos resgates da tragédia de Brumadinho.

Fonte:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.