Em resposta a tentativa de assassinato do Primeiro Ministro de Israel com mísseis.

Israel atacou alvos terroristas na faixa de gaza.

Em resposta a tentativa de assassinato do Primeiro Ministro de Israel com mísseis.

Aviões israelenses atacaram a faixa de gaza nesta quarta-feira, 11, em retaliação ao disparo de foguetes do território palestino contra Israel na noite anterior. O primeiro-ministro, realizava um comício eleitoral na terça-feira quando as sirenes de alerta soaram. Ele foi forçado pelos seguranças a deixar o palanque e a recolher-se em um abrigo.

Netanyahu estava em Ashdod, sul de Israel, quando os alertas foram acionados. Ele discursava em favor de seu partido, o Likud, nas eleições de 17 de setembro. Havia acabado de reiterar sua promessa de anexar parte do território da Samaria , se for reconduzido ao cargo. Não houve reivindicação do lançamento de mísseis.

Apesar de o Exército ter confirmado que o sistema de defesa conhecido como Domo de Ferro tenha interceptado o ataque, as imagens do primeiro-ministro sendo forçado a sair do palanque aumentaram as acusações de opositores políticos de que ele não fez o suficiente para deter os frequentes ataques de foguetes contra o sul de Israel.

Como resposta ao lançamento dos foguetes, o Exército israelense atacou a Faixa de Gaza nesta quarta-feira atingindo 15 “alvos terroristas” do Hamas, incluindo uma fábrica de armas e túneis utilizados pelos militantes, segundo o balanço realizado pelas Forças de Defesa do país.

Viva Israel

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Next Post

Como vim parar em Israel?

sex set 13 , 2019
Viajar para Israel é o sonho de muitos brasileiros, mas morar em Jerusalém era o meu sonho! e hoje vivo aqui como os que sonham… Para chegar na chamada “Terra Santa” passei por uma verdadeira peregrinação, tive que ultrapassar muitos obstáculos, e precisei passar por uma mudança de Mindset, ou […]
Viajar para Israel