A implantação de fibra óptica de Israel estabelece um precedente global

De acordo com um estudo do Banco Mundial, a implantação rápida e extensa de infraestrutura de internet de fibra óptica em Israel impulsionará a economia.

implantação de fibra óptica

Israel está fazendo um excelente trabalho na expansão de sua rede de Internet de fibra óptica de alta velocidade, de acordo com um estudo internacional do Banco Mundial.

Foi apresentado ao ministro das Comunicações, Yoaz Hendel, na manhã de segunda-feira, pelo vice-presidente do Banco Mundial e chefe de infraestrutura global, Riccardo Puliti.

O estudo investigou os efeitos das tecnologias avançadas de comunicação na economia, no emprego, nas famílias e nas empresas. Ele descobriu que o acesso à Internet de alta velocidade aumenta a chance de encontrar um emprego em 7% a 13%, e cada aumento percentual no uso da Internet de alta velocidade aumenta o PIB em até 0,4%.

“Israel ocupa o primeiro lugar no mundo na taxa de implantação de fibra, por isso é natural que o Banco Mundial tenha escolhido apresentar aqui o estudo sobre os benefícios da infraestrutura avançada”, disse Hendel.

“Mostramos ao mundo como levar infraestrutura avançada até mesmo para lugares onde não há viabilidade econômica”, disse ele. “Este governo avançou na periferia mais do que qualquer um dos governos anteriores. Provamos que o que eles não faziam era possível e levamos fibra para todos os cantos do país em velocidade recorde.”

O Ministério das Comunicações ampliou a disponibilidade de fibra óptica de 18% dos domicílios no início de 2020 para mais de 60% hoje, e espera chegar a 70% até o final do ano. O ministério deve se reunir novamente com o Banco Mundial em setembro para compartilhar seu modelo de implantação de fibra óptica com outros países.

“Internet de alta velocidade significa crescimento rápido, abrindo oportunidades de emprego e qualidade de vida”, disse Hendel. “Ele chegará a todos os lugares de Israel: de Dimona, Vale do Jordão a Amirim, no norte, até a região de Ayelot, no sul. A revolução chegará a todos.”

LEIA MAIS
Nova ideia da Disney resolve um enorme problema dos visitantes de parques temáticos
Míssil russo atinge shopping em Kremenchuk com mais de 1.000 civis
Israel reprime dissidências em suas fileiras sobre possível acordo nuclear com o Irã
A morte do velho sistema e a nova ordem mundial

O estudo do Banco Mundial

O estudo do Banco Mundial examinou como a expansão da acessibilidade à Internet e a adoção de tecnologias digitais se correlacionam com os efeitos macroeconômicos, como o crescimento do PIB e da produtividade, bem como como eles impactam as famílias, o mercado de trabalho e as empresas.

O estudo descreveu os efeitos da acessibilidade da fibra óptica na economia e sugeriu que é uma ferramenta para reduzir as disparidades. Assim, a chance de uma população instruída encontrar emprego aumenta de 7% a 13% quando tem acesso à fibra óptica. Em Israel, isso é particularmente relevante para as populações árabes e haredi (ultra-ortodoxas), que têm grande potencial de força de trabalho, mas pouco acesso à fibra óptica.

De acordo com o estudo, um aumento de apenas 1% no uso de infraestrutura de comunicações fixas (não móveis) pode aumentar o PIB de um país em 0,08%, e um aumento semelhante no uso de infraestrutura de comunicações móveis pode aumentar o PIB de um país em 0,4 %. O setor empresarial também se beneficia da redução de custos e do aumento da eficiência com a transição para tecnologias avançadas de comunicação, segundo o estudo.

“A pesquisa estabelece o que sabemos bem”, disse o diretor-geral do Ministério das Comunicações, Liran Avisar Ben-Horin. “A Internet de alta velocidade na periferia é a ferramenta mais eficaz para reduzir as lacunas e a integração na economia e sociedade israelenses.”

Fonte

Nosso grupo de Notícias clique aqui
O melhor curso de Inglês clique AQUI 👈