Anticorpos aumentam mas não o suficiente para prevenir a infecção por Omicron

infecção por Omicron

A quarta dose da vacina contra o coronavírus da Pfizer aumenta o nível de anticorpos no sangue, mas não parece oferecer proteção contra a infecção pela variante do coronavírus Omicron, mostraram resultados preliminares de um estudo com 150 profissionais de saúde realizado no Sheba Medical Center.

“Duas semanas após a administração da quarta vacina, vemos um bom aumento nos anticorpos, maior do que após a terceira dose, mas não alto o suficiente contra o Omicron”, disse o pesquisador principal, Prof. Gili Regev-Yochay.

“As pessoas estão sendo infectadas, talvez um pouco menos em comparação com os indivíduos do grupo de controle, mas não de maneira significativa”, disse ela.

Sheba lançou seu ensaio clínico para examinar a segurança e a eficácia de uma quarta dose da Pfizer em 27 de dezembro, administrando a inoculação em 150 funcionários saudáveis ​​que haviam recebido o reforço pelo menos quatro meses antes. Todos eles tiveram um resultado sorológico abaixo de 700, sugerindo que não eram mais considerados como tendo anticorpos suficientes para proteger contra a variante Omicron.

No início de janeiro, Regev-Yochay disse que o nível de anticorpos aumentou cinco vezes uma semana após , que ela descreveu como um bom resultado, mas inferior ao que eles esperavam porque o resultado foi semelhante após a terceira injeção e não superior.

Booking.com

“Isso não é o que você espera de um reforço”, disse ela.

Sete dias depois, Regev-Yochay enfatizou que, embora o nível de anticorpos tenha aumentado ainda mais, não parece ser suficiente contra a infecciosidade do Omicron .

“Até agora, sabemos que o nível de anticorpos necessário para ser protegido da Omicron provavelmente é muito alto para esta vacina, mesmo que seja uma boa vacina”, disse ela.

Os pesquisadores de Sheba também estão realizando um estudo semelhante, administrando uma quarta dose da vacina da Moderna a outro grupo de 150 funcionários saudáveis ​​do hospital.

Também neste caso, o nível de anticorpos uma semana após o novo reforço aumentou para um nível semelhante ao relatado após a vacina da Pfizer, disse Regev-Yochay.

Asteroide mais forte do que uma bomba nuclear em direção à Terra no final de janeiro de 2022

“Estes são resultados muito preliminares, antes de qualquer publicação”, disse ela. “Mas decidimos compartilhá-los porque entendemos a urgência do público em receber informações.”

Regev-Yochay se recusou a fornecer números de infecções ou níveis de anticorpos, dizendo que os pesquisadores o fariam em um estágio posterior, após mais pesquisas.

Ela também expressou apoio à decisão de Israel de dar a indivíduos com mais de 60 anos e grupos de risco uma quarta vacina.

“Acho que a decisão de permitir uma quarta vacina para as populações vulneráveis ​​provavelmente está correta”, disse ela. “Pode oferecer alguns benefícios, embora provavelmente não sejam suficientes para sustentar a ideia de oferecê-lo a toda a população.”

Os Milagres da Guerra dos seis Dias

Em duas semanas, mais de 550.000 pessoas com 60 anos ou mais receberam a injeção.

A capacidade de prevenir a infecção representa apenas um aspecto da eficácia da vacina. A outra é a capacidade de prevenir sintomas graves.

Nesta fase, era muito cedo para entender o efeito da quarta dose em doenças graves, disse Regev-Yochay.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.