Israel permite a cristãos de Gaza visitar Belém e Jerusalém no Natal

Cristaoes faixa de gaza

Israel começou nesta segunda-feira, 23, a distribuir licenças aos cristãos de Gaza para que eles possam ir a Belém e Jerusalém para celebrar o Natal, como tradicionalmente fazem todos os anos.

“Até agora recebemos 55 autorizações de entrada na Cisjordânia e em Jerusalém dos 600 pedidos que enviamos ao lado israelense na semana passada”, disse Kamel Ayad, porta-voz da Igreja Ortodoxa de Gaza.

Ainda de acordo com Ayad, das 55 autorizações, três são para crianças, e 47 para adultos com mais de 60 anos. “É possível que nas próximas horas consigamos as demais licenças”, acrescentou.

A comunidade de cristãos solicitou licenças especiais e aguardava ansiosamente a autorização para ir aos lugares sagrados e sair da atmosfera sufocante de Gaza que vive sob o governo do movimento islâmico Hamas.

Ontem, o coordenador de Atividades Governamentais nos Territórios, general Kamil Abu Rukun, que está à frente da instituição militar israelense que administra as relações do território de Gaza, informou que seriam “ampliadas as medidas civis em benefício da população cristã da Faixa de Gaza em reconhecimento das festas natalinas”.

Booking.com

“Como parte destas medidas, serão emitidas autorizações de entrada para Jerusalém e para a região de Judeia e Samaria (Cisjordânia) de acordo com as avaliações de segurança e sem considerar a idade (dos requerentes)”, diz a nota.

Gaza tem apenas cerca de 1.000 cristãos –a maioria deles grego-ortodoxos– entre uma população de 2 milhões de muçulmanos.

No ano passado, Israel concedeu permissões para cerca de 700 cristãos de Gaza para viagens para Jerusalém, Belém, Nazaré e outras cidades sagradas que atraem milhares de peregrinos nas festas de final de ano.

2 comentários em “Israel permite a cristãos de Gaza visitar Belém e Jerusalém no Natal”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.