Lukashenko alerta para a 3ª Guerra Mundial, enquanto a Bielorrússia se prepara para enviar tropas

O presidente da Bielorrússia, Alexander Lukashenko, alertou que as sanções ocidentais estão empurrando a Rússia para uma “terceira guerra mundial”, já que o Washington Post informou que a Bielorrússia estava se preparando para enviar tropas para a Ucrânia no domingo.

“Em uma situação como esta, devemos estar cientes de que existem tais sanções. Muito está sendo dito sobre o setor bancário. Gás, petróleo, SWIFT. É pior do que a guerra”, disse Lukashenko em um referendo sobre a mudança da Constituição da Bielorrússia, de acordo com o site do presidente bielorrusso. “A Rússia está sendo empurrada para uma terceira guerra mundial. Devemos ter muito cuidado para evitar isso. Porque a guerra nuclear é o fim de tudo.”

Atentado brutal em Israel

O presidente da Bielorrússia afirmou que as sanções de retaliação contra a Rússia e da Bielorrússia seriam muito sensíveis para garantir que não impactassem a si mesmas.

Lukashenko afirmou que a América é o “único beneficiário” do conflito atual, dizendo que os EUA pretendem “colocar a Europa em seu lugar e remover concorrentes”.

Booking.com

Ao votar no referendo, Lukashenko afirmou que “Hoje devemos parar a guerra. Eu nem mesmo chamaria de ‘guerra’ agora. Ainda é um conflito. Mais um dia ou dois e haverá uma guerra. Em três dias – um moedor de carne.” O presidente bielorrusso acrescentou que a Rússia pretende “restaurar a Ucrânia”.

Lukashenko negou que a Bielorrússia estivesse participando dos combates, acrescentando que nenhum míssil estava sendo disparado do território bielorrusso, exceto “dois ou três foguetes” que foram disparados em 23 de fevereiro depois que baterias de mísseis ucranianos foram supostamente detectadas perto da fronteira do país.

“A Rússia não precisa disso. Eles têm munição, cartuchos, metralhadoras e pessoas suficientes para resolver os problemas que a Rússia quer resolver”, disse Lukashenko. O presidente bielorrusso afirmou que os bielorrussos e russos na Ucrânia estavam sendo espancados e envenenados. “Eles começaram a espancá-los, envenená-los. Eles nos ameaçam com atos terroristas.”

No domingo, mais de 65% dos bielorrussos expressaram apoio à adoção de uma nova constituição que abandonaria seu status não nuclear, disse o presidente da Comissão Eleitoral Central (CEC) do país, Igor Karpenko, segundo a TASS.

O presidente bielorrusso enfatizou que o país só pediria a Putin que transferisse armas nucleares para a Bielorrússia se tais armas fossem transferidas pelo Ocidente para a Polônia ou a Lituânia.

Como a guerra na Ucrânia aumenta a ameaça do Irã a Israel – análise

No domingo, o presidente russo, Vladimir Putin, colocou as forças estratégicas de dissuasão da Rússia, que incluem armas nucleares, em um “regime de serviço especial”, segundo a TASS. A medida foi tomada devido a “declarações agressivas” dos líderes da Otan, disse Putin.

Lukashenko afirmou que armas adicionais serão transferidas da Rússia para a Bielorrússia em um futuro próximo. Ele alertou que as tropas bielorrussas estão prontas para serem mobilizadas em questão de horas, “se necessário”.

“Em um futuro próximo (já sabemos de quais equipamentos adicionais precisamos), concordaremos com Putin e transferiremos armas apropriadas adicionais da Rússia, que podem causar danos tão inaceitáveis ​​que nem os poloneses nem os lituanos vão querer lutar conosco. ” advertiu o presidente bielorrusso.

“Está muito claro que Minsk agora é uma extensão do Kremlin”, disse um funcionário do governo dos EUA que falou ao Washington Post sob condição de anonimato. O funcionário acrescentou que as tropas bielorrussas podem ser enviadas para a Ucrânia já na segunda-feira.

fonte:

2 comentários em “Lukashenko alerta para a 3ª Guerra Mundial, enquanto a Bielorrússia se prepara para enviar tropas”

  1. Somente um cara pode tentar ajudar as partes do conflito.
    Esse cara e’ Bibi Netaniahu .
    Antes de condenar (altamente condenavel) a invasao russa , Israel deveria oferecer os servicos de mediacao do Bibi. O Bennet foi fazer politica e o
    maldito do putin ho dispensou geral.
    Abracos

  2. Mas que discurso mais beligerante esse de Lukashenko!Eles se acham no direito de agredir,invadir e ficam irados com as retaliações.É um discurso amoral.Com gente assim,só há uma linguagem que entendem:a da força bruta!
    O caminho para uma terrível guerra está em aberto!
    “Ouvireis falar de guerras e rumores de guerras;vede,não vos assusteis,porque é necessário assim acontecer,mas ainda não é o fim”(Mt 24.6).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.