Mega ciber ataque iraniano a sites israelenses.

Um grande número de sites israelenses foram invadidos por um ataque cibernético iraniano, afirmou nesta quinta-feira a Direção Nacional de Cibernética de Israel.

O centro nacional de cibernética disse que está cuidando do problema e os internautas que se depararem com sites comprometidos devem evitar clicar em qualquer link.

ciber ataque

O ataque ocorreu depois que surgiram rumores de que Israel esteve por trás de um ataque cibernético no início deste mês a computadores no porto de Shahid Rajaee, no Irã.

Os relatórios sobre o último ataque começaram a surgir nas primeiras horas da manhã, depois que uma mensagem que dizia “a contagem regressiva para a destruição de Israel começou” apareceu nas páginas iniciais de muitos sites baseados em Israel.

A frase também é acompanhada de imagens do que parece ser a cidade de Tel Aviv sendo destruída, links para vídeos do YouTube e outras frases ameaçadoras.

ciber ataque

Entre os sites atingidos ​​estão Ramat Gan Municipal, United Hatzalah (uma organização de serviços médicos de emergência), a Kinneret (Mar da Galiléia), várias ONGs baseadas em Israel e até o site oficial da líder do partido Meretz, Nitzan Horowitz .

A maioria dos sites é hospedada pela empresa Upress, que disse estar trabalhando incansavelmente para corrigir a brecha na segurança. “Identificamos uma falha de segurança em um plug-in do WordPress que levou ao ataque. Estamos conduzindo uma investigação de segurança e lidando com todos os sites danificados”.

ciber ataque

A empresa de segurança cibernética ClearSky, no entanto, especula que o ataque pode ter se originado da Faixa de Gaza para sabotar o Dia de Jerusalém, celebrado em Israel em 21 de maio.

“Estimamos que não há conexão entre o ataque iraniano às instalações de água de Israel, a resposta israelense com o ataque ao porto iraniano e o que está acontecendo hoje”, disse à Ynet Boaz Dolev, CEO da empresa.

Inscreva-se já e fique por dentro das noticias de Israel e do mundo

* indicates required

David Elmescany

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Next Post

Líder Supremo do Irã: "O vírus sionista não vai durar muito"

sex maio 22 , 2020
Pela segunda vez esta semana, Ali Khamenei, líder supremo do Irã, enviou mensagens ameaçadoras a Israel, um país que ele chamou de “um tumor cancerígeno do Oriente Médio”. “O vírus sionista não vai durar muito, o governo sionista será extinto”, disse Khamenei durante a comemoração do “Dia Al-Quds” (Jerusalém), em […]