O Santo Sepulcro abriu hoje após dois meses fechados

As autoridades do Santo Sepulcro informaram que só podem entrar 50 fiéis, devem usar máscaras e manter uma distância de 2 metros entre eles.

Arquivo: A cerimônia do Fogo Sagrado na Igreja do Santo Sepulcro.

“Por razões de segurança e para evitar o risco de uma nova disseminação do COVID-19, o número de visitantes será limitado a 50 pessoas e a basílica será acessível apenas para aqueles que não têm febre ou sintomas de infecção e usam máscaras apropriadas”, indicaram em seu site as autoridades religiosas que gerenciam o acesso a este local sagrado do cristianismo.

“Também será necessário manter uma distância mínima de dois metros entre cada pessoa e evitar qualquer ato de devoção que possa incluir contato físico, como tocar ou beijar as pedras, os ícones, os vestidos e o pessoal da basílica”, acrescentaram.

Um padre ortodoxo grego e um zelador estão de pé em frente ao templo desolado da Igreja do Santo Sepulcro na cidade velha de Jerusalém.

A Igreja do Santo Sepulcro fechou em 25 de março, pouco antes do feriado da Páscoa, como parte das medidas sem precedentes para conter a epidemia do coronavírus em Israel e nos territórios palestinos.

Oficialmente, a epidemia deixou mais de 16.712 pessoas infectadas em Israel, incluindo 279 mortos.

A Igreja do Santo Sepulcro em Jerusalém

Segundo a tradição cristã, o Santo Sepulcro é o lugar onde Jesus foi crucificado e enterrado. Todo ano a igreja é visitada por milhões de pessoas.

Depois de interromper a propagação do vírus, as autoridades israelenses retiraram parte das medidas de contenção para tentar reviver a economia. Os locais de culto foram autorizados a reabrir na quarta-feira, mas com acesso limitado a 50 pessoas.

Inscreva-se já e fique por dentro das noticias de Israel e do mundo

* indicates required

David Elmescany

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Next Post

Arqueólogos descobrem complexo de 2000 anos no Muro das Lamentações

dom maio 24 , 2020
As escavações na entrada dos túneis do Muro das Lamentações expuseram um complexo com dois quartos, um pátio aberto e vários objetos domésticos, anunciaram a Autoridade de Antiguidades de Israel e a Fundação do Patrimônio do Muro das Lamentações. A estrutura foi selada mais tarde no período bizantino, sob os […]