O vídeo que chocou Benjamin Netanyahu

Em agosto do ano passado, um palestino pediu para que alguns soldados israelenses da fronteira atirassem em seu próprio filho. Se foi ou não um vídeo fora de contexto, como muitos veículos midiáticos alegaram, não importa. Como é possível que um pai peça para que matem seu próprio filho? Como pode?

O fato ocorreu na Cisjordânia, na vila de Ni’lin, oeste de Ramala. Existem diversos relatos que mostram como as crianças são ensinadas e treinadas a odiarem os judeus e Israel. Alguns casos são bastante chocantes, como o de um vídeo onde uma jovem (que aparenta estar sendo filmada por parentes) é questionada sobre o que diria aos jovens da Cisjordânia, ao que ela responde segurando uma adaga: “Esfaqueiem”.

Neste vídeo, Benjamin Netanyahu mostra sua indignação com a violência e o descaso no modo em que algumas crianças palestinas são criadas e ensinadas a odiarem e matarem israelenses.

Tradução: Márcio Flemming

O vídeo que chocou o mundo!!

Viva Israel

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Next Post

ENTREVISTANDO MC SAPINHO O EMBAIXADOR DO FUNK EM ISRAEL

qua ago 14 , 2019