Penitenciária de Israel tem uma das maiores taxas de ressocialização do mundo

O Jornal da Record entra na penitenciária-modelo de Hermon e mostra por que ela tem um dos melhores programas de reabilitação de detentos do mundo. No local, 500 presos passam por terapias antes de voltar à sociedade. A brasileira Thelma Tohar, uma das responsáveis por Hermon, diz que o número de reincidentes caiu desde que Israel decidiu adotar medidas prisionais mais humanizadas.

https://youtu.be/28x0Y5oJHrQ

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.