Ucrânia desenvolve armas nucleares com ajuda dos EUA

Assessores dos EUA na Ucrânia estão ajudando Kiev a desenvolver armas biológicas e nucleares, potencialmente aumentando o risco de uma guerra nuclear, disse o secretário do Conselho de Segurança da Rússia.

A Rússia está culpando a Ucrânia por desenvolver capacidades nucleares em cooperação com os EUA, somando-se às suas alegações anteriores de que seu vizinho está desenvolvendo armas biológicas em laboratórios de pesquisa apoiados pelos EUA na Ucrânia.

As alegações não foram apoiadas por nenhuma evidência ou explicação sobre como o país sitiado poderia repentinamente começar a desenvolver armas nucleares funcionais .

O cinegrafista da Fox News Pierre Zakrzewski 4º jornalista morto na Ucrânia

“A criação de armas nucleares pela Ucrânia ameaçaria a segurança de todo o mundo e provocaria a eclosão de uma guerra nuclear; a Rússia não poderia permitir que nacionalistas ucranianos descontrolados as possuíssem”, disse o secretário do Conselho de Segurança da Federação Russa, Nikolai Patrushev.

“Tornou-se óbvio que são os conselheiros americanos que encorajam e ajudam o regime de Kiev na criação de armas biológicas e nucleares”, disse Patrushev em Grozny em uma reunião na terça-feira com a segurança nacional da Federação Russa no Cáucaso do Norte.

Booking.com

“A Ucrânia tem tudo para isso – Competências, tecnologias, matérias-primas, meios de entrega”, disse.

“Um grande número de consultores e assessores estrangeiros, baseados na Ucrânia, representam uma nova ameaça à segurança da Rússia em combinação com armas biológicas e nucleares”, disse Patrushev, sem fornecer evidências para apoiar sua declaração.

A Otan está preocupada que a Rússia possa usar armas químicas em um ataque de “bandeira falsa” como parte de sua invasão da Ucrânia, disse o secretário-geral Jens Stoltenberg nesta terça-feira.

“Estamos preocupados que Moscou possa encenar uma operação de bandeira falsa na Ucrânia, possivelmente com armas químicas”, disse Stoltenberg em entrevista coletiva.

Os Estados Unidos negaram em 9 de março as acusações russas de que estavam operando laboratórios de guerra biológica na Ucrânia, chamando as alegações de “falsas” e sugerindo que Moscou pode estar preparando as bases para usar uma arma química ou biológica.

A Rússia já culpou a Ucrânia por sabotar intencionalmente uma fábrica de produtos químicos em Donetsk , alegando que isso causou a liberação de gás tóxico para assentamentos civis próximos. Essas alegações não foram corroboradas por ninguém além dos meios de comunicação russos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.